ORDEM DOS ENGENHEIROS TÉCNICOS


OET 1

unnamedA Ordem dos Engenheiros Técnicos é uma associação profissional de direito público criada em 2011 pela redenominação da ANET – Associação Nacional dos Engenheiros Técnicos e atribui em exclusivo o título profissional de Engenheiro Técnico.

Os engenheiros técnicos são profissionais de engenharia, detentores de formação académica completa e a inscrição na OET, e a consequente utilização do título profissional de Engenheiro Técnico, é permitida a todos os que possuírem a habilitação académica de Bacharelato, Licenciatura pós-Bolonha ou pré-Bolonha em Engenharia (e consequentemente Mestrado ou Doutoramento). Assim, a OET é a associação pública profissional que detêm um maior potencial de representatividade na área da Engenharia.

A OET está organizada em 5 secções regionais e em 16 colégios de especialidades do sector técnico e científico e pauta-se por práticas de atuação transparentes, e existe desde 1999 com o intuito de colmatar a insuficiente representação da engenharia portuguesa a vários níveis e não exige exames de acesso.

Os membros estudantes estão isentos do pagamento da quota e beneficiam da redução do pagamento do emolumento pela inscrição em estágio (em vez de 150€, o emolumento é reduzido para 25,00€, se o pedido for feito até seis meses após a data de conclusão do curso).

Os membros estagiários encontram-se isentos do pagamento de quotas, pelo período de duração do estágio. De igual modo, todos os estagiários se encontram incluído num seguro de acidentes pessoais, suportado integralmente pela OET.

A emissão de declarações eletrónicas para a prática de atos de engenharia é gratuita e pode ser realizada num portal online próprio, usando um computador ou smartphone, estando todos os atos de engenharia regulados devidamente tipificados e disponíveis aos membros que cumpram as respetivas condições de acesso (publicadas no site da OET).

O prestígio de ser membro da OET reside no facto do Engenheiro Técnico exercer uma profissão de confiança pública regulada por uma Ordem forte e credível, que combate efetivamente a engenharia ilícita através de ações concretas.

Os Engenheiros Técnicos são profissionais reconhecidos nos 32 países pertencentes à FEANI, e é permitido o acesso ao título de EurIng, ou ao EngineeringCard, para além da livre circulação na Europa, África e América, Ásia e nos países com os quais tenha sido estabelecido um protocolo de reciprocidade.

Sendo membro da OET tem acesso a ações de formação conducentes à obtenção de qualificações profissionais adicionais e acesso a um conjunto de regalias colocadas à sua disposição.

Por fim, a OET proporciona informação pública relativamente à atividade económica da profissão que regula, como é exemplo o quadro seguinte que permite perceber que a retoma da nossa atividade profissional ocorreu em 2014, e que no ano de 2016 foram emitidas mais declarações do que em qualquer um dos 5 anos anteriores.

Screen Shot 2017-02-25 at 19.43.58

 www.oet.pt